Fiéis celebram o dia de Nossa Senhora do Rosário com homenagens à Maria

11/10/2015 22:11

Fiéis celebram o dia de Nossa Senhora do Rosário com homenagens à Maria

 

Centenas de pessoas estiveram presente na solenidade de Nossa Senhora do Rosário, ocorrida no dia 7 de outubro, na Área Missionária dedicada à santa, localizada à rua Américo Alvarez  - Japiinlândia.  A missa presidida pelo frei Manoel Lima e concelebrada pelo pároco pe.  Orlando Gonçalves, pe. Hudson Ribeiro e pe. Francisco Sabino, contou com a participação das comunidades e grupos missionários que prepararam bonitas homenagens à padroeira.  
 
Inicialmente houve a procissão que trouxe ao altar a imagem de Nossa Senhora do Rosário, juntamente com as imagens e estandartes que percorreram as casas das comunidades eclesiais durante o novenário realizado entre os dias 28 de setembro e 7 de outubro, sob o tema “Com Maria na alegria do serviço do anúncio do reino de Deus”. Em seguida houve uma encenação sobre a origem da devoção à santa realizada por duas jovens. 
 
Frei Manoel, durante a homilia, explicou a origem do rosário afirmando que a repetição da oração da Ave Maria significa demostração de carinho e amor por aquela que Deus escolheu para trazer ao mundo o salvador, além de, ao rezar o rosário, realizamos a meditação dos Mistérios de Cristo que nos guiam à Encarnação, Paixão, Morte e Ressurreição do Filho de Deus. “Maria foi escolhida por Deus para ser desposada por meio do Espírito Santo e foi confiada a ela a missão de distribuir graças para o povo e dar ao mundo Jesus, Deus presente no meio do povo. E Maria por gratidão e alegria pôs-se a servir”, explicou frei Manoel. 
 
Destacou alguma palavras que o Papa Francisco expressou na exortação apostólica Evangelii Gaudium, afirmando que “Junto com o Espírito Santo, Maria está no meio do povo (At 1,14)”,  que  “Maria sabe transformar um curral de animais na casa de Jesus…Ela é preocupada para que não falte o vinho na nossa vida, Maria uma verdadeira Mãe: caminha conosco, luta conosco, e aproxima-nos do amor de Deus” e  que “Maria pela dinâmica da justiça e ternura, de contemplação e de caminho para os outros, é modelo eclesial para a evangelização”.
 
Frei Manoel destacou ainda que todas as pessoas que receberam Maria em suas casas durante o novenário puderam experimentar de sua ternura e entender porque ela é a cheia de graça e a bendita entre as mulheres, como dizemos quando recitamos a Ave Maria. 
 
Ao final da celebração os padres abençoaram rosas e terços que foram distribuídos entre os presentes na intenção de que se comprometam em disseminar a devoção mariana e  ensinar outras pessoas a rezarem o terço, unindo as orações às lutas de cada dia. O pároco, padre Orlando, afirmou que os nove dias em que o povo tornou-se missionário indo às ruas, adentrando as casas, foram dias em que se perdeu o medo de testemunhar e evangelizar. Mostrou-se muito feliz pelo trabalho realizado pelas coordenações e lideranças, por acreditarem na Igreja que nos pede para ir ao encontro do outro e confirmar o pedido do Papa de sermos uma Igreja em saída. 
 
 
 
 
 
Por Ana Paula Gioia Lourenço – Assessoria de Comunicação da Arquidiocese de Manaus